Meus feitos....

Pessoas Queridas e isoladas socialmente, 
venho por meio deste compartilhar o que andei aprontando, senta que o papo vai longe......

Outro dia acordei com dor no joelho, acho que dormi mal posicionada, fiquei muito sentada, muito tempo em pé, sentada em posição de indio, ou a idade chegando.... Aja visto que não estou me exercitando, talvez seja o joelho pedindo exercicios.... 

Bem, a dor durou quase uma semana, as vezes mais fracas outras mais forte, e eu fazendo o que acreditava ser possível para melhorar dessa dor, que não era insuportável mas era persistente e moro em um apartamento com escadas então sair do quarto em direção a cozinha era motivo de piadas dos demais membros da familia.....(risos)

Foi quando lembrei de um aparelho de massagem vibratório que possuo e fui tentar aliviar a dor, como o cabo do aparelho é curto e eu estava com dor para descer a escada e pegar uma extenção na area de serviço, sentei bem na pontinha da cama e apoiei meus pés na parede com o joelho dobrado, com o aparelho ligado na tomada consegui o encaixe perfeito para massagear bem onde estava doendo e lá fiquei por uns 20 ou 30 minutos, parecendo um CN (sim, meu corpo estava todo curvado mais ou menos na forma dessas duas letras juntas).....

Devo salientar que foi maravilhoso, parece que tiraram a dor do joelho com as mãos, no dia seguinte estava perfeito, consegui subir e descer as escadas tranquilamente..... (e ainda consigo)
Sentei-me para tomar o café da manhã com meu companheiro e lá pelas tantas dei-me conta que estava com dor nos rins, e falei:
- Amor estou com uma dor nos rins...
- Como você sabe que são os rins?
- É uma dor localizada na base das costas que se alastra pelos dois lados, só pode ser os rins...
- E aquela posição estranha que eu peguei você fazendo no quarto quando subi para dormir?
Sim, ele me pegou no flagra, e questionou porque eu não o chamei, mas eu sorri e falei que tava tão gostoso sozinha.....Ele riu.

Eu sei e vou contar para vocês que fazer posição estranha para aliviar a dor em uma parte do corpo pode lesionar outra....
Agora estou me recuperando da dor nas costas, agachar e levantar são sofridos, mas já consigo descer a escada tranquilamente, não sinto mais dor no joelho, ando até com duvidas se a dor foi embora ou se as costas doem tanto que nem sinto o joelho (risos).... 

O foco agora é alongar a coluna, e relaxar a musculatura das costas, receber massagem do companheiro de isolamento social e quando melhorar volto a fazer minhas peripécias novamente.

Então, tirando isso continuamos na resistência, ou melhor, estamos praticando desobediência civil, o presidente manda sair e a gente fica em casa pois acredita na ciência.
#isolamentosocial acima do lucro #ciência acima do achismo #vidasimportam mais do que tudo.

Aqui a colaboração entre os seres está sendo bem boa, até o quarto elemento tem ficado mais calmo, a gente leva ela ao banheiro em distâncias mais curtas e ela vai e volta de boa, não tem incomodado, parece até que sabe o que está acontecendo.

Reconheço o meu previlégio de poder ficar em #Isolamentosocial e principalmente de encontrar prazer em conviver com os "meus". Temos bons momentos juntos e respeitamos o "espaço" um do outro, não nos impomos 24horas por dia, as vezes estamos cada um em um comodo do apartamento, outras estamos todos no mesmo, mas fazendo coisas diferente, e quando alguém se isola em um cantinho ninguém vai incomodar.

Sei que existem pessoas que tem casas enormes, com piscina, jardim, pomar e horta, assim como sei que existem outros que sobrevivem em 8 em um mesmo comodo. Não estou me alienando achando que tenho algo que não tenho, apenas estou sendo grata pelo que já conquistei, inclusive a dor nas costas (risos) trabalhei arduamente por isso.

Eu sei e vou te contar que esses momentos tem me levado a fazer muitas reflexões e novamente teremos que nos reinventar, pois tinhamos um plano para 3 anos, 1 ano passou dentro do que previamos, o segundo nos supreendeu com a pandemia e o terceiro terá que ser diferente pois já evaporou. Poderia estar aqui chorando, reclamando mas estou aqui te contando que sim meu barquinho afundou, mas estou agarrada ao colete salva vidas e estou deixando a corrente me levar, para recomeçar a nadar a braçadas largas. E você, como está?

Muita Luz e Paz!

Abraços

Dia das Mães

Então temos mais um "Dia das mães" que eu estarei distante,
Nosso distanciamento se deve a eu protegê-la
É, parece que o jogo virou.....(risos)


Não sou de valorizar o presente, não cedo ao apelo comercial
Mas a presença sempre fazia questão
Nesse ano será diferente, por uma questão de proteção
Não vou postar foto por conhecê-la muito bem e saber o quanto odeia isso

Mas eu sei e vou te contar que temos conversado muito
Temos tentando ser mais compreensiva uma com a outra
Sim, nos amamos e brigamos quando discordamos
Mas agora é um momento em que ela mesma diz:
"Todo mundo vai morrer, mas que seja em paz com quem amamos"

E você pessoa querida como anda o relacionamento com o seus genitores e familiares?

Quero desejar a todas as mães uma "Dia muito feliz"
Que todos cuidemos de todas as mães e filhos

Muita Luz e Paz!
Abraços



Lembra???


A imagem que você vê acima é de uma esquina em Curitiba, 
Num dia de calor infernal, sem previsão de chuva
Á frente temos o Colégio Estadual do Paraná
À direita temos a Casa do Estudante Universitário - CEU e o Passeio Público
Não fotografei para mostrar a cidade, essa foto fiz para explicar porque iria me atrasar...

Você se lembra....
Daquele tempo em que andávamos por aí 
sem precisar de máscaras 
Quando erámos surpreendidos por chuvas fortes, 
que nos obrigavam a buscar abrigo.......
Daquele tempo em que ruas vazias eram sinônimo
de feriado ou domingo...

A chuva que sempre me presenteava
nos momentos mais inusitados com sua presença...
Me abandonou, vivemos em tempos de estiagem
E também não estamos saindo pelas ruas, 
faz dois meses que não passo nesse local em específico, 
E eu adoro...

Eu sei e vou te contar que tenho saudades de fazer uma postagem 
para reclamar da minha nuvem...
Aquela nuvem de chuva que me acompanhava
por todo lugar que ia
Talvez você tenha cansado de ler minhas narrativas 
sobre o quanto acompanhávamos a meteorologia para 
programar passeios e viagens,
Outras vezes contei que optamos por viajar 
em períodos que sabemos, não irá chover etntando assim
garantir que teremos apenas um dia ou dois de chuva 
e não o período inteiro
Aja visto que a minha nuvem sempre aparecia 
de forma generosa no segundo ou terceiro dia impedia todo e qualquer passeio possivel.

Chuva para mim significa abundância
Acho tão belo ver tudo regado e abundante
e o contrário me causa uma tristeza e receio do que será o futuro.

Aqui no Paraná estamos vivendo um período
onde as represas e rios estão tão secos
que se pode caminhar dentro deles
peixes morrendo, terra partida, 
e meu peito apertando com a tristeza 
que vem aliada ao medo do futuro sem algo tão precioso
e necessário para a sobrevivencia humana

***lembrando que o desmatamento da Amazônia
 está acontecendo de forma acelerada***

Vou imaginando os dias sombrios e secos que temos pela frente
o serviço de meteorologia não preve chuvas constantes para breve.

Agora vou ali fazer a dança da chuva e torcer para que minhas deusas ouçam meu apelo
e me devolvam minha nuvem outra vez.
Me conta, como está o clima (meteorologico) na sua região?
Como você entende os períodos chuvosos?
Sou uma leonina que ama dias nublados e chuvosos, e você gosta de qual período?

#NotaMental nunca mais reclamar da chuva!

Muita Luz e Paz!
Abraços

Em tempo, estou saindo apenas para o essencial e sempre de máscara que precisamos ter consciência farão parte do figurino pelo menos até o próximo ano. Mas tem um lado bom para mim, tenho renite e nesses dias secos sofro muito com cheiros, fumaça e etc.... Porém, a máscara tem me auxiliado nesse sentido.


Ecochata em crise


Saudades das caminhadas
De tirar fotos pelo caminho




Quero te falar
Das coisas que estou me obrigando a reaprender (temporariamente)
Uma delas me parte o coração
Não está ligada a saudade, familia, mas a costumes....

Quando saio para levar os cachorros para o passeio (fazer necessidades fisiológicas)
Não posso, ou melhor, não devo juntar os lixos recicláveis que vejo pela rua
Outro dia quase agarrei uma lata de refrigerante que estava na calçada
Dois passos distantes de uma lixeira
Mas ao me abaixar pensei e se tiver com COVID-19?
E se..... eu sem querer levar a mão ao rosto?
Não sei vocês, mas a mim, dói ver lixo nas ruas
Meu bairro é bem limpo
Mas as vezes encontramos um ou outro lixo pelo caminho,
Que eu sempre recolhia e colocava nas lixeira públicas

Ah! Tem mais, eu sou do tipo que recolhe o cocô do cachorro
E anda um monte com o saquinho cheio até achar uma lixeira publica,
Não coloco em lixeiras nas de casas particulares, que normalmente são vazadas
E nem deixo no chão, para evitar transtornos com vizinhos que não tem cachorros....
As lixeiras públicas são esvaziadas todos os dias pelos garis,
Por isso opto por elas, normalmente ficam próximas a comércios, ou pontos de ônibus

Eu sei e vou contar que ser ecochata em tempos sombrios é muito difícil....
Aprender a deixar o lixo no chão é algo imoral na minha vida cotidiana
O que me levou a começar observar os garis, que todos os dias cumprimento,
mas que nunca tinha reparado se fazem uso correto dos EPI's
(luvas, uniforme em tecido grosso, e boné)
Os que trabalham por aqui seguem as normas bem direitinho.
E na tua região os trabalhadores fazem uso dos EPI's?

Sabe eu acredito que isso em breve passará, não será tão breve o quanto desejamos,
Nem tão efetivo quanto necessitamos (encontrar um medicamento efetivo não é fácil)
Mas quandos os novos habitos se fizerem rotineiros e
O convivio social for reestabelecido, poderemos rir disso tudo.

Muita Luz e Paz!
Abraços


Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias