Brasil e os encontros políticos

Eu sempre questionei o seguinte: Quando nossos representantes visitam um outro país tem que aprender como se portar dentro das normas culturais do país anfitrião, e aprendem desde que roupa vestir até  como cumprimentar e, ao chegar no destino agem conforme as regras aprendidas. Mas os representantes destes países quando vêem ao Brasil não agem como nós povo brasileiro e acolhedor, eles não  abraçam ou beijam nossos representantes, tem apenas o aperto de mão.... a coisa não deveria ser feita na base da reciprocidade, se ao irmos a casa deles agimos como eles agem, eles ao nos visitarem devem agir igual ao que nós estamos acostumados, mas não era assim....Não ERA!!!!!!!!
Céus!!! estou eu, vendo as notícias deste sábado quando me deparo com um ósculo de Barack Obama na nossa presidente, gentem não vou mentir eu AMEI, não por ser ele quem é ou por ela ...nada disso esqueçam o lado político, eu agora entendi, quem precisa segue as regras.... Mas fiquei encantada, que ao menos uma vez em toda a história (que eu me lembre) isso aconteceu.... tá eu nem imagino o Clinton/George beijando um dos nossos presidentes, mas que poderia ocorrer um abraço além do formal aperto de mão tão frívolo....sempre achei que seria possível e acredite, eu achava que não viveria para ver....rsrs.
Para quem não teve como ver o noticiário estou colocando as fotos para ficar aqui registrado o quanto gostei de ver alguém em visita ao meu país agir conforme nossas regras de cordialidades..

fonte: G1

Vai dizer que você aceita que só nós temos que nos adaptar? Gosto de ver meu país sendo respeitado, sou brasileira com muito orgulho, amo meu país e adoro quando vejo que embora cheios de décimas intenções o poderoso do Presidente dos EUA, veio até aqui para fazer sua "política".
E vamos combinar que politica a gente tem que fazer todos os dias, em nossa rua, em nosso bairro nas empresas, nas escolas, esqueçamos as arrogâncias. Pense apenas agora por um momento no lado bom deste encontro, eu ver que ele fez algo que nós sempre fizemos. Sabe o motivo de eu fazer esse post, é que eu sou aquela pessoa que toca, conversa pegando em quem está comigo e sei que tem pessoas que odeiam, quando percebo fico meio travada me policiando para não tocar, qualquer um que me conhece ao olhar percebe o quanto sofro para falar de forma contida. Mas em contra partida eu ao cumprimentar só abraço quem eu conheço muuuito e beijo é um só e no ar, claro que já sofri quando conheci pessoas maravilhosas no Rio de Janeiro  e fui para 1 beijo e voltei deixando a pessoa no ar.... me desculpei e voltei e dei o outro beijo, mas quando conheço eu gosto de abraçar apertado/colado. Agora que eu já passei dos "inta" (seisei demorou bastante para eu aprender mas..) aprendi que em cada Estado brasileiro existe um costume, aqui no Paraná é um beijo de amiga, no Rio descobri que são dois...rsrs (pelo menos nas pessoas que conheci...rsrs)
Me conta, e para você como tem que ser um cumprimento "normal"?
Muita luz e Paz..

Tenha um ótimo domingo. 
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

11 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Maria Lúcia - Asas da Imaginação publicou o comentário número:

Oi Dê! Que saudade, amiga!
Gostei deste post e de sua opinião. Beijocas para vc, bem do jeito brasileiro...rsrsrs.

Alexandre Mauj Imamura (lostinjapan.tk) publicou o comentário número:

eu ganhei beijinho da imperatriz do Japão qdo ela foi em São Paulo... achei bacana isso, pq aqui não há o costume do beijinho no rosto. Mas lá ela fazia o mesmo tipo de cumprimento, como os brasileiros fazem...
o Brasil nunca foi um país periférico, há muitos anos é uma economia forte. basta se impor, mostrar sua cultura (claro, respeitando a alheia, coisa q muitas vezes alguns tem dificuldade nisso)...

bacana mesmo
bom domingo

Luzia André publicou o comentário número:

Amiga gostei muito de sua observação, existe realmente o choc de cultura tenho uma filha que mora nos EUA ha seis anos e realmente o americano é mais auditivo e visual que cinestésico,
Tambem gostei da atitude do Presidente Obama, de seu comentário e observção.
Bjs
com votos de muita paz

Bia Jubiart publicou o comentário número:

Adelaide amei o seu artigo!

As relações de afeto modifica de cultura p/ cultura. Vc anda a escrever muito bem!

Que história é essa do Ale de beijinho da imperatriz... Deve ter ficado dias sem lavar o rosto rsrsrsrsrs (que maldade Bia!).

Viu Adelaide como o nosso amigo Mauj é famoso?

Um domingo iluminado p/ vc.

Beijoooooooooooo

CACAU REZENDE publicou o comentário número:

Que pena que não pude assistir esta cena menina!
Aqui em casa estou divindo a tv com meu filho nenem..que insiste em assistir somente mickey e mais mickey em d.v.d. Vou buscar na net pra ver esta imagem tão legal que vi aqui. OBRIGADO por compartilhar isto.
Penso como vc...toco as pessoas com as mãos..gosto de abraça-las quando as comprimento...gosto de cheirar-las...minha avó paterna tinha muito este costume. Mas na minha familia materna as coisas eram difereentes..tocar era tabu,,mas eu venci isso..e fui ser como o meu pai..ele tbem cheira as pessoas ao comprimenta-las...ou cumprimenta-las..agora me perdi na regra..hehehe.
É bom ser assim..nao troco isto de mim por nada...e vc faça o mesmo. Somos libertas e vivas isto sim. ..se tem quem não gostei..e daí ..heheh.bjim

RENATA RZ publicou o comentário número:

Adelaide

parabéns pelo post, que eu assino em baixo.
estou gostando muito da imagem que o Brasil passa agora para o mundo.
Enfim um pouco de respeito.

beijinhos green

Cintia Branco publicou o comentário número:

Adelaide,

Também gostei de ver a forma como o Brasil e nossa presidente Dilma impuseram nossa cultura e nossa política econômica. A era da subserviência passou, como disse o Alexandre, somos um país forte econômica, política e socialmente e temos que fazer valer nossos direitos.
Quanto aos cumprimentos, fui criada em Porto Alegre, onde os três beijinhos são de praxe, imagino o quanto sofro ficando pendurada aguardando os outros beijos, rs.
Quero te agradecer por estar participando do sorteio e divulgando aqui no blog. Obrigada!
Grandes beijos e ótima semana

Adriana Alencar publicou o comentário número:

Não sabia dessa atitude do Obama, é admirável! Bem, ele quebrou uma série de protocolos, a começar por sua cor, e embora lute pelos interesses de seu país não podemos negar que tem sido muito coerente e bem mais agradável que seus antecessores.
Concordo totalmente que nosso país deve ser respeitado, a começar por nós brasileiros, que devemos ser os primeiros a promover a nossa cultura. O Brasil cresceu, é um expoente econômnico mundial, e já está na hora de nos darem o tratamento que merecemos!
Excelente post!
Beijo
Adri

Débora Fouraux publicou o comentário número:

Oi Adelaide! Tudo bem?
Adorei seu post, e você esta certíssima!
Aqui em Minas, são dois beijos, mas em meus amigos mais chegados, eu dou um só! Esse Brasil é cheio de tradições e manias ne?! Adoro!

Beijinhos ;)

Rogério Pereira publicou o comentário número:

Li
Gostei de ler
Gostei a valer
Mas sabe?
Ficou-me um sabor a inveja
que ninguém deseja...
Me empresta sua Dilma um bocadinho
Não é por nada
É só para esse Obama lhe vir dar beijinho
(Portugal anda mal de reputação
mas, infelizmente, com razão)

Néia Lambert publicou o comentário número:

Adelaide, cada povo com seu hábito, mas cá entre nós, somos muito ternos e amamos um carinho, longe de mim gente fria!

Beijos



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias