Japão x Economia

Ontem eu estava conversando com minha filha sobre a fatalidade ocorrida no Japão e o quanto isso nos afeta, não não estou falando apenas em que nos entristecemos, estou falando no quanto toda e qualquer guerra, conflito ou catástrofe natural em qualquer lugar afeta o mundo como um todo. Vamos aos fatos:
1º como essa onda de catástrofes atingiu a área rural do Japão, por anos ou décadas estas terras podem ficar improdutivas.
2º com o medo da eminente crise o mercado financeiro pára, e o Japão que já não estava tão bem economicamente falando, e é nosso principal comprador de minérios e comodities fica sem comprar.
3º aquelas pessoas que moravam lá ou em outros lugares, que investiam no mercado de países emergentes (como nós), saem do mercado para usar o dinheiro de outra forma
4º Com a reconstrução do Japão nossas exportações vão crescer, venderemos mais minérios, e comidas somos parceiros neste mercado.

Resumindo agora todos os investidores devem aguardar pois o mercado geral sofrerá com pequena estagnação, seguida de um aumento grande das exportações o que pode causar um aumento de preço pois teremos maior procura e menor oferta, principalmente grãos e carnes e minérios.
Detalhe, embora o Japão seja a notícia do momento, a crise no oriente médio ainda não acabou e lá eles tem a maior reserva de petróleo do mundo, vc já parou para pensar no quanto isso nos afeta? 

Se não parou, pare e pense, pois a minha filha aos 13 anos já tem analisado tudo isso e com um ponto de vista próprio da adolescencia, hoje não podemos nos dar ao luxo de ignorar que a tragédia é mundial, assim como foi a crise de 2008 nos EUA e que se na época o nosso governo não tivesse agido com rapidez nós estaríamos ainda remando para supera-la. Foram medidas que talvez a maioria não tenha percebido, mas fez com que no seu tempo, nem percebêssemos a crise no seu ápice. Eu percebi, senti e perdi. Mas recuperei. Agora o momento exige cautela, por tanto cuidado ao assumir dividas e dar o passo maior do que a perna, não sabemos o que vem para os próximos meses, isso não quer dizer que você não pode viver, viva mas evite o desperdício, não esbanje nada além de alegria. Avalie, muito bem cada investimento que você for fazer, se der, espere para fazê-lo daqui a um tempo quando já soubermos como estará a economia, e a inflação.
Conselhos leigos de alguém que está aqui atrás da telinha do micro acompanhando vários analistas financeiros e noticiários.

Muita luz e Paz.
Abraços
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

7 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Néia Lambert publicou o comentário número:

Adelaide, a atenção está toda voltada ao Japão, mas vc lembrou algo importante, a crise no Oriente Médio ainda não terminou. Quantos fatos acontecendo e que podem mudar a vida de toda gente, é preciso todo cuidado.

Beijos

Bárbara Rezende publicou o comentário número:

OI AMORE... ESTAVA COM SAUDADES... MAS ESTOU DE VOLTA!!!

COM CERTEZA SUAS SÁBIAS PALAVRAS NOS FAZEM REFLETIR O QUANTO ISSO TUDO NOS AFETA ALÉM DE PSICOLOGICAMENTE COMO ECONOMICAMENTE TB!!!

VAMOS AGUARDAR!!!

BJKSSSSSSSSSSSSS

Rosiane Teixeira publicou o comentário número:

Assuntos como esses, dificilmente não nos envolvemos.
bjk
www.rosianeteixeira.blogspot.com

Cíntia publicou o comentário número:

Olá Adelaide!Muito bom o seu texto,sábias palavras amiga e concordo,precisamos no momento agir com cautela.Beijokas

martinha publicou o comentário número:

é preciso sim ter cautela, pricipalmente agora com a 3.ª maior econômia do mundo em crise e com o Oriente Médio com problemas... beijo e té+

Josy publicou o comentário número:

Oi Adelaide

Adorei seu texto, realmente precisa-se ter cautela, ponderação e acima de tudo solidariedade com nossos irmãos japoneses
Lindas palavras...bjocas

Cintia Branco publicou o comentário número:

Adelaide,

Tenho discutido muito isso, e me preocupa mais a recessão, o não agir nesse momento, sei que temos reservas e que o governo saberá como agir, mas mesmo assim fico apreensiva, até porque como você mesma disse, o Oriente Médio ainda é uma incógnita e a crise americana nem de longe foi superada. Mas vamos aguardar o desenrolar das coisas.
Grandes beijos, ótima sexta e um belo final de semana!



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias