Você sabe qual o alimento correto para cada idade da mulher?

Pesquisando sobre dicas de nutrição cai em um local mega legal chamado Espirito Esportivo e trouxe para você conferir, quer saber mais clica aqui


Confira as dicas para a sua faixa etária

Aos 20 anos O corpo – Fase onde o consumo de energia é grande e os hormônios parecem estar instáveis facilitando uma Tensão Pré-Menstrual (TPM).
A alimentação – Carboidratos como arroz, feijão, massas, pães para dar energia.
Dicas – Alimentar-se a cada três horas para manter o metabolismo em alta. Ter sempre à mão frutas secas, biscoitos integrais e sucos. Para quem malha, o tomate acelera a resposta dos músculos.



Aos 30 anos O corpo – A mulher começa a conciliar responsabilidades, o corpo começa a cansar e a manifestar os efeitos do tempo.
A alimentação – Combinar carnes magras com grãos integrais. Isso irá ajudar a nutrir e a manter a boa forma. Para reduzir a irritação e ansiedade, evite alimentos ricos em cafeína.
Dicas – Alimenta-se com carotenóides como a cenoura, abóbora, tomate, manga e mamão. Eles previnem o envelhecimento provocado pelo sol, atenuam as rugas e estimulam a produção de colágeno.


Aos 40 anos O corpo – O metabolismo fica em marcha lenta e a produção de hormônios cai. A mulher ganha mais gordura, perde músculos e as taxas de cálcio começam a declinar.
A alimentação – Sola e linhaça amenizam os efeitos da baixa hormonal. Consumir 500 gramas ou dez porções de hortaliças, frutas e legumes por dia ajuda a reduzir em 50% o risco de desenvolver câncer.
Dicas – Ingerir saladas e uma porção diária de amêndoas, castanhas e nozes. Elas protegem as artérias, coração e cérebro.


Aos 50 anos O corpo – O metabolismo não é mais o mesmo e exige uma dieta restritiva e a prática de esportes para evitar a perda massa muscular e o aumento de peso.
A alimentação – Diminua as porções no prato e abuse de sucos frescos sem açúcar e água de coco. Consuma muito iogurte natural e queijos brancos para amenizar os sintomas da menopausa e evitar a osteoporose.
Dicas – Abuse do iogurte natural e queijos brancos. Esses alimentos são capazes de amenizar os sintomas da menopausa.

Aos 60 anos O corpo – A força muscular diminui e a imunidade não é mais a mesma. Pode haver déficit de vitamina D, o que aumenta o risco de osteoporose.
A alimentação – Consuma peixes ricos em ômega 3, 6 e 9, como a cavala e a sardinha pelo menos duas vezes na semana. Esses nutrientes reduzem o colesterol ruim, combatem a depressão e o mal de Alzheimer.
Dicas – Uma taça de vinho tinto ou suco de uva, três vezes por semana, ou um quadrado de chocolate meio amargo, diariamente, são bons para o coração

São dicas perfeitas para equilibrar o organismo e tirar o máximo de proveito de cada grupo de alimentos. Lembre de nutrir seu corpo é diferente de alimentá-lo. Por vezes comemos em demasia, susbtancia que fazem mal, simplesmente por preguiça ou falta de tempo. Nutrindo seu corpo você pode manter longe da sua vida os remédios e as doenças. O médico você deve ver pelo menos uma vez por ano.

Muita Luz e Paz
Abraços

Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

5 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Adriana Balreira publicou o comentário número:

Adelaide,
Tenho que criar vergonha na cara e inserir mais amendoas, castanhas. Eu adoro e não como, acabo esquecendo!
Ótimo post!
Beijos
Adriana

Néia Lambert publicou o comentário número:

Adelaide, tive que rolar a barra um tanto para chegar nas dicas para a minha faixa etária, rsrs. Vou seguir os conselhos, muito apropriados, por sinal.

Beijos

Imac by Artes publicou o comentário número:

Adelaide querida!
Foi ótimo ler esses dicas...
Eu preciso fazer uma reeducação alimentar, recomendações médicas.
Estou com uma nutricionista, mesmo assim é muito difícil depois de uma certa idade.
Abraços! Uma feliz noite pra ti.

martinha publicou o comentário número:

Bom dia Adelaide td bem, adorei seu post, irei colocar em prática as dicas para ter uma vida mais saudavel, beijo e té+



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias