Eu e as tecnologias.....

Vivo uma relação de amor e ódio com o telefone celular, por vezes eu não o ouço tocar (ele toca alto e tudo, mas estou absorta em outras coisas), por esse motivo dificilmente alguém consegue falar comigo através dele. Em compensação eu procuro consultar meu e-mail o que torna mais fácil você falar comigo via e-mail do que via celular (mas mesmo assim passo horas sem lê-los), mando muito torpedo via celular, e ligo bem pouco. Vivo bem sem essa tecnologia toda e sem as redes sociais - quando longe do computador.......kkk

Não sou viciada (sei que todo viciado diz isso...rsrs) mas é sério. Tenho regras rígidas, não entro no facebook, twitter ou msn quando estou longe do PC de casa. Tradução se não estou em casa, fato que tem ocorrido bastante recentemente. Não acesso essas midias. Se estou em casa e alguém está usando o PC (oficial) eu até consulto via celular, mas apenas consulto não fico conversando. Motivo simples: se não é o meu "horário" de usar o PC, devo estar lendo, vendo filme, cozinhando ou qualquer outro trabalho. E  até mesmo o ócio digno é mega valorizado. 

Qual o motivo? simples eu quero manter as rédeas da minha vida. E se eu ficar viciada em algo, é esse "algo" que irá decidir o rumo de minha vida. 

Agora amo ouvir o rádio e TV, preciso ter sempre alguém conversando quando estou em casa, pode até ser que nem esteja vendo ou prestando atenção, ou esteja lendo, mas me relaxa ouvir o burburinho constante.

Odeio quando estou almoçando com alguém e a pessoa atende ao celular. Se não tem bebê pequeno e não é medico, desliga o celular ou deixa no vibra e retorna a ligação assim que o almoço terminar. Não atendo nem o telefone fixo no horário de almoço - você já reparou que normalmente são os famosos call centers que ligam nesse horário, ai você interrompeu seu momento mágico, sua comida esfria só para ir até o telefone ouvir alguém te oferecer algo que  nunca te interessou?
Celular serve para a gente ligar quando precisa de algo, e não ter que ficar procurando um telefone público que funcione.Redes sociais eu amo, mas só quando tenho tempo disponível para isso.

Você está sentindo minha falta por aí? Então vou te contar, estou as voltas com alguns obstáculos da vida. Mas em breve retorno a atividade normal. Eu acho.....

O que me motivou a escrever esse texto foi ver o quanto as pessoas que por vezes visito, falam da agonia de não conseguir acessar, ou o fato de não postar algo. Eu gosto de colocar aqui minhas idéias diárias, mas sem tortura. Apenas pelo prazer de conversar, de contar algo. É minha vida - é meu comando. Eu escolho ser feliz apesar de.....

Me conta como é teu relacionamento com as mídias sociais e o celular?

Muita Luz e Paz
Abraços
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

6 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Kinha publicou o comentário número:

Espero que esses obstáculos saiam logo de seu caminho, viu? Torço por você!

Paula...(Cotidiano de uma Amig@) publicou o comentário número:

Oi lindona!

Bem que eu ando sentindo sua falta mesmo! Tbém estou tendo alguns obstáculos a serem ultrapassados...coisinhas que atrapalham o pensamento! Espero que isso logo passe na sua vida amiga, e não seja nada grave!

Bem...vou ser sincera, sou viciada(kkkkkk)...preciso das doses diárias de internet na veia...rsrs, que horror! Quanto ao celular vivo muito bem sem ele, não me faz falta...viu?! Um ponto a favor...rsrs. Twitter não acesso, fico por aqui mesmo...no blog ou jogando dominó...rsrs.

Abração querida!

Chris Ferreira publicou o comentário número:

Oi Adelaide,
queria agradecer seu carinho la no Blog. Eu também guardei algumas cartinhas e cadernos da Ana Luiza. Minha mãe guarda até hoje os meus... Eu sou basicamente como você. As pessoas me acham mais pelo e-mail do que pelo celular (quando estou trabalhando) pq nunca escuto. Também só tenho o hábito de entrar em casa na internet, mas não tenho regras rigidas. Mas acho legal não deixar de viver pra ficar na internet. Com as meninas, o tempo é limitado por nós.
Beijos
Chris
http://inventandocomamamae.blogspot.com/

Mayara publicou o comentário número:

Oi Adelaide, você sabe que me pegou numa boa agora? Descobri que to totalmente viciada em internet: email, downloads, redes sociais... não sei mais viver sem! O marido não pagou a conta e me deixou sem quase dois dias, quase morri, nem comprar coisas que eu precisava consegui! Acho que vou ter que arrumar uma rehab, o que é difícil, trabalhando 9 horas por dia na frente do pc! Espero que seus obstáculos atravancando o caminhão se passarinhem logo! Um abraço!

Zizi publicou o comentário número:

Oi Adelaide, obrigada pelo carinho ao meu blog
Eu te acompanho, porém nem sempre comento. fiquei até sabendo que você foi vegetariana! eu ainda o sou, meio ovo-lacto-vegetariano. Não bebo leite, mas como consumo pães, bolos feitos na padaria, então me incluo no lacto. Aqui só uso leite de soja.
Mas, voltando as tcnologias, não me considero viciada não. essas tecnologias são minhas companheiras, porque meus filhos são adultos e casados, moram longe. A conexão se dá através do facetime, do skype, e de tudo o que tenho direito e conhecimento.
Também não gosto de ouvir celular fora de hora, dentro de cinema, ou quando a pessoa atende aos berros como se estivesse na sala de casa.
Mas, o restante acho essencial para viver na atualidade.
bjos

Néia Lambert publicou o comentário número:

Oi Adelaide, as redes sociais tem mesmo esse poder viciante que você se referiu. Particularmente, eu vivo sem regras quanto à horário para acessá-las, mas sem jamais deixar de fazer outras coisas, necessárias e inadiáveis. Não sou de fica horas no lap top, mas vez ou outra dou uma passadinha, como agora por exemplo, para comentar o seu texto. Já vou correndo para a cozinhas, as panelas me aguardam!

Beijos



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias