Coisas de Curitibano...

Morei por 20 anos em Curitiba, hoje vivo na região metropolitana - 30km ou 20 minutos, de distância se for de carro, de ônibus 40minutos até o centro da cidade, com o custo de apenas R$ 2,50. Minha filha é Curitibana, eu sou apaixonada pela cidade. Somos acostumadas a ver e ouvir diversas piadas sobre o jeito arrogante de ser das pessoas que residem na capital e sempre relevo. Mas vou contar para você um fato vivido por mim, que me faz ter orgulho do povo da capital.

Dia de evento em um estádio Janguito Malucelli, que se localiza na rodovia de acesso da minha cidade até a capital, e fez com que a mesma fosse fechada por horas, causando um congestionamento enorme. Eu estava na capital para buscar minha filha no colégio, ao chegarmos a *estação tubo a mesma estava lotada, e havia uma fila imensa do lado de fora.

Essa foto peguei emprestada do site da prefeitura, não é a estação que nós usamos. Bem o céu começou a escurecer e o vento anunciava chuva, eu e minha filha fomos nos abrigar em uma cobertura que ficava logo atrás da estação, quando começou a chuva todos que estavam fora, na fila, vieram proteger-se junto conosco, empilhadamente sob o telhado pequeno. Quando a chuva deu uma pequena trégua, recomeçou a chegar pessoas para esperar pelo ônibus, e cada um que chegava, perguntava:
- Onde é o fim da fila?

Você consegue imaginar, um monte de gente empilhada para se proteger da chuva e a pessoa vem querendo respeitar a ordem de chegada - esse tipo de atitude eu só vi em Curitiba. Eu respeito fila, ensinei minha filha a respeitar, e se por ventura alguem desrespeita eu - educadamente lembro a pessoa onde está o final da fila - minha filha diz que eu dou um "pescoção" na pessoa, mas não eu apenas falo de forma educada. Pois acredito que o mundo seria muito melhor se todos se respeitassem. 

Infelizmente nem sempre é assim, quando vamos desembarcar do ônibus tem os estressadinhos que querem subir sem a gente descer...........outro dia o empuraempurra foi tanto que eu fui parar ao lado de um cara que estava andando com a namorada, derrepente senti que pegaram na minha mão de forma bem carinhosa e protetora.....assim que ele percebeu o engano largou e esperou pela namorada.....rsrs

Historias de vida que só quem anda de ônibus vive. De carro o mundo fica muito pequeno....Eu sei que neste dia chegamos em casa as 21h30m comemos algo e tomamos um banho já estava na hora de dormir para acordar cedo no dia seguinte, cansadas mas felizes por constatar (junto com a filhota) que existem pessoas educadas sim! E são a maioria, problema é que a gente só faz eco da falta de educação.


Muita Luz e Paz
Abraços


Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

7 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Soraya publicou o comentário número:

Oi Adelaide!
Escuto muito sobre o povo arrogante de Curitiba...é claro que não gostou pois SOU Curitibana,e acho que em todos os lugares existem pessoas arrogantes.
Me mudei já fazem alguns anos daí,mas morro de saudades.Minha família mora aí na capital,fui passar as festas aí.
Que saudaaaaaaaaaaades Adelaide!!!!
Vim parar no "Forno do Iguaçu"!!!!rrsrsrs...
Morro de saudades do clima daí,dos costumes,da minha família,da cidade...
Aqui apesar de ser interior é uma cidade boa,temos qualidade de vida,o que mata é o calor mesmo.
Um dia desses chegou a 48 graus.
É isso lindona!
Tenha um ótimo feriado!
Bjos

Cissa Branco publicou o comentário número:

Adelaide,

Que bacana, isso é ser civilizado, ouço falar muito bem dos curitibanos e da qualidade de vida na cidade.
Beijos e bom carnaval!!!

patty publicou o comentário número:

Oi Adelaide.
No Brasil fazemos fila para tudo.
Geralmente respeitamos. Ontem eu fui na padaria e, do nada, qdo eu vi já tinha uma fila. É natural, a fila se forma por si própria. É para não dar briga.
Lembra da minha viagem para a Itália no ano passado? Lembra que eu comentei que aquele povo não faz fila para nada? O interessante é que não dá briga. Se fosse aqui... Bjs, bom feriado..

patty publicou o comentário número:

Oi Adelaide.
No Brasil fazemos fila para tudo.
Geralmente respeitamos. Ontem eu fui na padaria e, do nada, qdo eu vi já tinha uma fila. É natural, a fila se forma por si própria. É para não dar briga.
Lembra da minha viagem para a Itália no ano passado? Lembra que eu comentei que aquele povo não faz fila para nada? O interessante é que não dá briga. Se fosse aqui... Bjs, bom feriado..

patty publicou o comentário número:

Oi Adelaide.
No Brasil fazemos fila para tudo.
Geralmente respeitamos. Ontem eu fui na padaria e, do nada, qdo eu vi já tinha uma fila. É natural, a fila se forma por si própria. É para não dar briga.
Lembra da minha viagem para a Itália no ano passado? Lembra que eu comentei que aquele povo não faz fila para nada? O interessante é que não dá briga. Se fosse aqui... Bjs, bom feriado..

Maitê Rodrigues publicou o comentário número:

Oi, Adelaide!!
Legal seu post . Em set/2010 conheci Curitiba, e gostei mto da cidade e tb do povo: educado, sempre pronto a orientar; andamos mto de ônibus, e realmente deu pra perceber q respeitavam as regras da boa educação...Ah, e a cidade é linda tb. Parabéns!! Bjs.

mara oliveira publicou o comentário número:

Amei o seu post e o fim fechou com chave de ouro.." existem pessoas educadas sim! E são a maioria, problema é que a gente só faz eco da falta de educação.".....

Sou uma Curitibana que vive fora e sofro tentando defender meu povo (risos) ....


bjkas



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias