Pinhão



Inverno é tempo de pinhão, originário de uma arvore típica da região sul do país, onde vivo. Tem um sabor característico que possibilita o uso em diversas receitas da nossa cozinha - confesso que já comi, mas nunca fiz.
Ohhh!!! Gente não consigo descascar um a um e "reservar" para colocar em um receita. Normalmente aqui em casa um cozinha, outro descasca e os três comem, e quanto mais você cozinha, mais saboroso ele fica.



Aqui meu descascador de pinhão em ação. Amo comer pinhão, cozido ou sapecado na chapa do fogão à lenha, fica muito saboroso.

A saber:
"Foram realizadas análises de umidade, fibras, proteínas, cinzas, lipídios, carboidratos e valor calórico total, a partir da metodologia oficial do Instituto Adolfo Lutz (2005). O pinhão possui um valor:
calórico de 182,29 Kcal/100 g; 
proteínas de 3,57 g/100 g; 
alto teor de fibras de 6,59 g/100 g; 
amido de 40,36 g/100 g e 
umidade de 47,76 g/100 g. 
Assim, concluiu-se que o pinhão é um produto com alto teor calórico e com grande quantidade de água, praticamente metade de toda a massa, e tem um alto valor de amido." informação retirada daqui


Esse é o pinheiro que mora em frente a janela do apartamento que compramos ainda na planta, e talvez nos mudemos para lá, ou não.Veja você, uma arvore centenária foi preservada ao construir o prédio e eu gostei de te-lo aqui, fazendo uma cortina natural na janela de um dos quartos. A saber, ela está distante do prédio o suficiente para manter uma boa visão e ventilação do quarto e perto o bastante para que se no futuro outro prédio venha a se instalar ao lado não terá grande visão para dentro do quarto.

No Paraná é muito comum ver paisagens com estes pinheiros maravilhosos, eu acho lindíssimos .Hoje vim te mostrar a minha segunda-feira da Dieta Coletiva, com um prato típico de inverno. Aqui na festa junina não pode faltar pinhão, pipoca e quentão. 

Os restaurantes já servem sopas, farofas e outras delicias com o nosso pinhão como o ingrediente principal. A época de colheita de pinhão é agora, em Junho e Julho, quando as pinhas já estão derrubando os frutos maduros. Na minha adolescencia a gente saia para "caçar" pinhão. Entravamos nas regiões de mata das  fazendas para literalmente empreender uma caça a essas maravilhas, e a logo após a caçada terminar, fazíamos uma fogueira de grimpa (galhos finos e secos do pinheiro) jogávamos o pinhão no meio e comíamos o deliciosos Pinhão assado na grimpa....e eu achava muito divertido. Hoje se precisar me enfiar no mato pra comer pinhão ........... - não faço nem por decreto...rsrs Imagina então por diversão...rsrs Como eu mudei....aff!!

Muita Luz e Paz
Abraços

Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

12 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Andréa Mota publicou o comentário número:

Sabe, eu nunca comi pinhão. Uma pena, pois gostaria de saber como é o gosto e arriscar receitas. Adorei o post, o bom humor e o blog. =)

Palavras Vagabundas publicou o comentário número:

Adelaide, adoro pinhão mas tenho uma certa preguiça de descascar, adorei seu descascador não conhecia.
bjs
Jussara

Mayara publicou o comentário número:

Oi Adelaide, eu adoro pinhão, apesar de sempre ter comprado na feira, de "latada. Agora, depois que vi o número de calorias, vou passar beeeeem longe rsrsrrs Um abraço!

Imac by Artes publicou o comentário número:

Também amo pinhão!
Tarefas bem divididas heim?
Um cozinha ,outro descasca e os três comem... Bem democrático Rsrs.
Abraços! Tudo de bom pra ti.

Bia Jubiart publicou o comentário número:

Kkkk parecendo castanha-do-Pará, descasco 3 e como 2, a diferença é pouca: Uma no Norte outra no Sul rsrsrs.

Ade, amei saber mais sobre a cultura e gastronomia da sua terra maravilhosa!

Beijooooooooooo

patty publicou o comentário número:

Oi Adelaide! Eu tenho um pinheiro no jardim, produzindo. E já plantei mais uns 6, adoro araucária. Mas eu não como pinhão, para mim não tem gosto de nada. É como pipoca.
É, eu sou estranha mesmo;)
Bjs.

Néia Lambert publicou o comentário número:

Oi Adelaide, gosto muito de pinhão, mas o meu dilema é descascá-lo! Já fiz uma peregrinação no comércio da região em busca de um descascador, agora vendo a foto do seu, já sei, pelo menos que existe.

Beijos

Santinha publicou o comentário número:

Adelaide
falou em Pinhão senti o cheiro e vim logo. O truque para retirar a casca é um só: eles precisam cozinhar muiiito e ainda quentes (bem quentes) se consegue retirar a casca bem fácil, mas se esfriar já era.
bj
yvone

CamomilaRosaeAlecrim publicou o comentário número:

Ah...um aparelho desses de tirar casca de pinhão me fizeram muita falta lá em Campos...sujei muito guadapano para apertar o danandinho...adorei a ideia!
Bjs e boas energias!
CamomilaRosa

Kathleen Irizaga publicou o comentário número:

Que máximo estas informações, Adelaide! Eu AMOOOO pinhão e pra mim ele é para ser consumido assim mesmo: cozido na pressão e com sal! Delícia de post! bjks!
mamytri.blogspot.com

Silvana Haddad publicou o comentário número:

Adelaide:
Aqui onde eu moro (Curitiba), nessa época do ano, tem pinhão espalhado por todos os cantos, rsrsrsrs.
O que eu nunca vi, foi o descascador.
Mas agora com seu post, sei que existe, vou comprar um, assim vou perder a preguiça de comer pinhão.
Bjs.:
Sil
http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/

Etienne publicou o comentário número:

Hey, Adelaide! Eu nunca comi pinhão... E tem descascador? Achei tudo interessante! Bjs.



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias