Quando algo dá errado...

Pode ser o dia perfeito, mas de uma hora para a outra acontece algo que pode por tudo a perder, a gota d'água, o grão de areia que faz transbordar a raiva, ou ódio, a mágoa que temos guardados em nosso coração.......
Agora vamos combinar tudo é uma questão de como você encara a situação. Vamos aos fatos?

Na segunda-feira marido teve uma reunião na capital por isso não foi para a "cidade nova", e na terça-feira decidimos (eu e a filha) acompanhá-lo até lá. Aproveitamos a visita para conhecer dois colégios e assim decidirmos em qual minha filha dará continuidade a seus estudos neste ano. Caminhamos por todo o Centro Histórico, suamos muito. Te contei que lá é litoral e é mais quente do que aqui onde moramos? Até que choveu, uma pancada gostosa e refrescante, sorte que foi após a visita aos colégios, quando já nos preparávamos para ir até a rodoviária pegar um ônibus e retornar a capital. O que gerou o seguinte diálogo:
- Por que tinha que chover justo hoje e agora, mãe?
- Porque estamos os três juntos na mesma cidade.

O ônibus da empresa em que viajávamos estava com problema na trava da porta do banheiro, e esta permanecia aberta, claro que isso não me incomodaria se eu não tivesse sentada na poltrona bem em frente a tal porta. Fechei uma, duas, três vezes, aí virei para minha filha e decidi que iria dormir. E assim foi.

Em Curitiba almoçamos no shopping, caminhamos muito até as 16h horas quando pegamos o ônibus metropolitano, exaustas e seguimos rumo ao lar, sonhando com um banho relaxante e com "fazer nada" em frente a televisão. No portão tentei acionar o controle e não surtiu o efeito esperado. Precisei de força para tirar o portão do trilho e minha filha entrar, pegar a caixa de ferramentas e então tratei de desamar o motor do mesmo para deixá-lo no manual. Antes de entrar peguei um papel que estava na caixa de luz e observei que a mesma foi cortada. 

Tá ligada que marido está em outra cidade e levou alguns comprovantes com ele para efetuar o pagamento. Lá vou eu ligar para ele e depois para a empresa, umas 3 vezes, até que religaram a luz. Detalhe que você precisa saber:
Aqui eles encaminham as contas para as residências com mais de 30 dias de antecedência e sempre se eu tenho dinheiro em mãos eu pago,  ou seja no dia 07 de janeiro pagamos a fatura que venceria no dia 01 de fevereiro. Nem preciso explicar mais, preciso?

Você deve estar se perguntando: 
Ficou espumando, raivosa esbravejando??
Não! Filha chegou pegou um livro, deitou no quarto para ler, ainda tínhamos a luz do sol. Eu fiz as ligações telefônicas e sentei com um livro, aguardando que tudo se resolvesse e assim pudesse tomar meu banho relaxante.

Dormi bem e vim aqui contar para você que tudo, preste atenção TUDO é uma forma de você encarar a situação. Eu poderia ter gritado com os atendentes da empresa de luz, e estaria até agora sem luz. Poderia ter sentado e chorado, afinal fui eu quem após um banho de chuva inesperada, viajou por 1 hora e meia olhando de relance para uma privada, tudo por falta da empresa de ônibus fazer uma manutenção mínima nestes "detalhes" tão preciosos. 
Mas eu optei por ser feliz
Por isso quando algo dá errado, não é por que Deus te odeia e quer te castigar. Também não é o mundo que está contra você. Quando algo dá errado precisa de cabeça fria para ser acertado. E a gente continua sendo feliz, apesar dos obstáculos. Ou por vencer os mesmos.


Muita Luz e Paz
Abraços

Dia Perfeito

Sabe aquele dia em que você sai de casa para um compromisso normal e é surpreendido por várias notícias boas? 

É assim foi o meu dia hoje. Sei que o dia de postar sobre as Pequenas (grandes) Felicidades é sexta-feira (sugestão da Rita do blog Botõezinhos). 

Eu não consigo guardar as coisas boas sem compartilhar com muitas pessoas e na hora. 
Sabe o motivo de eu gostar de contar aqui? 
É para que o máximo de pessoas possam ver que coisas boas acontecem quando menos esperamos. Que milagres acontecem a cada momento de nossas vidas, basta que direcionemos o olhar ao ponto certo. 

Vamos aos fatos:

Combinei que iria a casa de mamãe passar a tarde com ela e minha afilhada. Após o almoço, ouço uma buzina e aviso minha mãe que tem alguém no portão. Ela ignora e eu vou descobrir que é o carteiro. Ele me achou até fora do meu endereço... É paixão!! (tá divaguei legal, mas só quem é blogueiro sabe a emoção de ver o carteiro no portão) cheguei lá era uma correspondência para minha mãe (claro né...  o endereço dela não meu). Ela abriu já com sorriso no rosto e falando para a netinha de 3 anos....
- Viu Valentina o carteiro trouxe correspondência para a Vó dessa vez 
*Anotação pessoal: - mandar mais cartas para mamãe...

Era o convite de casamento de minha prima Sheila. Aí sim que mamãe não cabia em si de felicidade.
- Veja! É da Sheila. Vamos ter festa em fevereiro e eu vou. 

Claro que eu também fiquei mega feliz. E parte da felicidade se deve ao fato de ver a alegria de mamãe.

Não satisfeita minha mãe me "contou" (como quem não quer nada) que "precisava" (como se sua vida dependesse disso) levar para minha madrinha umas bolachas que ela comprou em Santa Catarina, mas ninguem (leia-se minhas irmãs) podia levá-la. Então liguei para minha madrinha e fomos até lá passar momentos agradáveis com pessoas que amamos e claro que tomamos um café delicioso.

Mas no final do dia ainda fui premiada com uma ligação de um amigo que a tempos não conversávamos. Cheio de novidades. Adorei.

Agora fala sério, não é um dia perfeito?  
Estou feliz com tudo o que aconteceu. 
Sabe sou grata a Deus por me permitir ver as maravilhas que acontecem em minha vida. 

Que foi!!! Você não tem visto esse tipo de coisa acontecer em sua vida??? 
Bora tirar os olhos do seu umbigo e reparar nos milagres que acontecem ao seu redor. 
Vem ser Feliz!

Muita Luz e Paz
Abraços 


Esmalte e Música

Gente eu sou muito eclética (isso você já sabe), tenho por uns amor eterno e em outros casos sou bem volúvel, falando de música é claro...rsrs

Poderia dissertar sobre o "Legião Urbana" e suas letras maravilhosas, que me acompanharam num período de adolescência, minha revolta, as primeiras vezes que "fiquei".....

Mas hoje optei pelo preto nas unhas (Colorama - Brilho da noite), para falar de Chico Buarque, sei na foto você vê o Oswaldo Montenegro, e este CD é meu queridinho (melhor presente que marido já me deu, une os dois melhores - no meu conceito - gênios da música brasileira).


Quero que você leia a letra desta música e pense na sociedade que vivemos hoje, constate como alguns são hipócritas em muitos e muitos casos.


Geni E O Zepelim

Chico Buarque

De tudo que é nego torto
Do mangue e do cais do porto
Ela já foi namorada.
O seu corpo é dos errantes,
Dos cegos, dos retirantes;
É de quem não tem mais nada.
Dá-se assim desde menina
Na garagem, na cantina,
Atrás do tanque, no mato.
É a rainha dos detentos,
Das loucas, dos lazarentos,
Dos moleques do internato.
E também vai amiúde
Co'os os velhinhos sem saúde
E as viúvas sem porvir.
Ela é um poço de bondade
E é por isso que a cidade
Vive sempre a repetir:
"Joga pedra na Geni!
Joga pedra na Geni!
Ela é feita pra apanhar!
Ela é boa de cuspir!
Ela dá pra qualquer um!
Maldita Geni!"
Um dia surgiu, brilhante
Entre as nuvens, flutuante,
Um enorme zepelim.
Pairou sobre os edifícios,
Abriu dois mil orifícios
Com dois mil canhões assim.
A cidade apavorada
Se quedou paralisada
Pronta pra virar geléia,
Mas do zepelim gigante
Desceu o seu comandante
Dizendo: "Mudei de idéia!
Quando vi nesta cidade
Tanto horror e iniqüidade,
Resolvi tudo explodir,
Mas posso evitar o drama
Se aquela formosa dama
Esta noite me servir".
Essa dama era Geni!
Mas não pode ser Geni!
Ela é feita pra apanhar;
Ela é boa de cuspir;
Ela dá pra qualquer um;
Maldita Geni!
Mas de fato, logo ela,
Tão coitada e tão singela
Cativara o forasteiro.
O guerreiro tão vistoso,
Tão temido e poderoso
Era dela, prisioneiro.
Acontece que a donzela
(E isso era segredo dela),
Também tinha seus caprichos
E ao deitar com homem tão nobre,
Tão cheirando a brilho e a cobre,
Preferia amar com os bichos.
Ao ouvir tal heresia
A cidade em romaria
Foi beijar a sua mão:
O prefeito de joelhos,
O bispo de olhos vermelhos
E o banqueiro com um milhão.
Vai com ele, vai Geni!
Vai com ele, vai Geni!
Você pode nos salvar!
Você vai nos redimir!
Você dá pra qualquer um!
Bendita Geni!
Foram tantos os pedidos,
Tão sinceros, tão sentidos,
Que ela dominou seu asco.
Nessa noite lancinante
Entregou-se a tal amante
Como quem dá-se ao carrasco.
Ele fez tanta sujeira,
Lambuzou-se a noite inteira
Até ficar saciado
E nem bem amanhecia
Partiu numa nuvem fria
Com seu zepelim prateado.
Num suspiro aliviado
Ela se virou de lado
E tentou até sorrir,
Mas logo raiou o dia
E a cidade em cantoria
Não deixou ela dormir:
"Joga pedra na Geni!
Joga bosta na Geni!
Ela é feita pra apanhar!
Ela é boa de cuspir!
Ela dá pra qualquer um!
Maldita Geni!
Essa canção fez parte da ópera do malandro, o personagem era um travesti, creio eu que era bixessual,se você prestar atenção está implícito na primeira parte quando ele faz a seguinte colocação: 
E também vai amiúde
Co'os os velhinhos sem saúde
E as viúvas sem porvir 

E eu te pergunto ao ler ao seguinte trecho:
Foram tantos os pedidos,
Tão sinceros, tão sentidos,
Que ela dominou seu asco

Quantas vezes vemos isso acontecer ao nosso redor. Pessoas que enaltecem outras apenas por precisar dela e após obter o que queriam, voltam a literalmente cuspir na mão que lhe estenderam. O preconceito é um veneno que maltrata a alma e polui o mundo. Mas quando o preconceituoso se vê sob o risco eminente de morte, aí ele esquece sua opinião e faz tudo para que ele se saia bem. Passado o perigo tudo retorna ao que era. Odeio preconceito.

"A canção teve tal relevância que o refrão "Joga pedra na Geni" se transformou numa espécie de bordão, indicando como Geni pessoas ou até mesmo conceitos que, em determinadas circunstâncias políticas, se tornam alvo de execração pública, ainda que de forma transitória ou volátil" (tirei daqui)

Sua curiosidade implora por ouvir esta música e perceber na entonação o sentimento que falo? Clica e veja o clipe com voz do meu amado e idolatrado Chico Buarque.


Quer ver minha participação no ano de 2012? Clica aqui
Quer ver o que as outras mulheres pensam sobre música ou a que mais gostam? Então vai até o blog da Fernanda Reali lá tem muita gente com fotos lindas e histórias fantásticas, é só clicar aqui.

Muita Luz e Paz
Abraços










Mudança - Parte I

Se você me acompanha a mais tempo, sabe que já mudei várias vezes (contei aqui sobre o sobrado em Rio Negro/Pr. e aqui minha casa em Campo Largo, as 2 últimas). Algumas coisas aprendi com as amigas blogueiras ou em sites de transportadoras, mas outras aprendi na raça, tem dicas preciosas aqui (clica e vai na pagina com as MINHAS dicas). E agora já com a alma calejada desta rotina cigana, estou na fase de desapego novamente. Para onde vou não vale a pena levar algumas coisas pois, sei que não vou usar.
Essa foto é da edícula aqui em Campo Largo que agora está entulhada de coisa para doação.

Ontem embalei algumas louças e copos que irão para doação. Tenho roupas, calçados, brinquedos, material de artesanato, um roupeiro, um rack, cobertores, colchões, cama e uma coberta de lã de carneiro (gente vou morar no litoral um negócio destes só vai atravancar minha vida, juntar ácaro e pó - sem contar que não tem espaço na casa) . 

Enfim, estou eu aqui me organizando. Liguei para as instituições que arrecadam para fazer as doações, e você sabe que aqui na cidade não consegui ninguém que viesse buscar. Então, em conversa com uma amiga de outra cidade ela conseguiu um voluntário que virá para levar as doações para uma família que numa chuvarada perdeu tudo.

O motivo de eu contar isso para você é para esclarecer uma coisa que eu faço e talvez seja útil na próxima vez que você for fazer uma doação. Vestidos de festas, roupas de praia e peças que não são exatamente um agasalho, eu separo e entrego diretamente para que seja colocada no bazar da igreja, pois assim eles conseguem dinheiro para comprar aquelas coisas que a maioria não doa (escovas de dente, creme dental, sabonete, etc...) ou quando doa é em quantidade pequena para a quantidade de pessoas necessitadas. 

Não doe roupa furada ou rasgada, sempre costure. Afinal se a pessoa está sem dinheiro para comprar comida, imagina agulha linha e outros artefatos que a gente tem em casa (ainda mais em casa de gente que faz trabalhos manuais). 

Doar não é dar aquilo que não presta mais. A gente tem que por para doação aquelas coisas que retirou de circulação por ter comprado uma nova. Ou no meu caso por não caber na outra casa. Não fará falta. Eu estou abrindo espaço em minha vida para receber presentes que estão só esperando para virem até mim assim que tiver mais espaço.

Agora estou fazendo pesquisa da transportadora para levar minha mini mudança - que não é tão mini assim....rsrs E semana que vem ruma a nova cidade tirar medidas dos cômodos para na hora que a empresa chegar com os móveis no endereço novo entregar uma planta baixa já descrito onde vai cada coisa, isso é de uma ajuda maravilhosa.

Muita Luz e Paz
Abraços


Paranaguá / Pr., eu estive lá..

É a mais antiga cidade do Estado do Paraná, possui segundo o censo de 2011, aproximadamente 140.469 habitantes (a partir de fevereiro esse número irá mudar será acrescido de +3, eu, marido e filha...rsrs)

Igreja São Francisco das Chaga, tem um encanto próprio do estilo Barroco.

Se você reparar bem verá logo acima da igrejinha as nuvens que levei para lá, sai de Curitiba com um vento gelado e cheguei lá faceira, com calor andei só de jeans e camiseta, aproveitei o calor regado com um vento fresco que achava eu era parte do clima da cidadezinha....o povo lá no final da tarde estavam usando jaquetas e blusas....(será que sou eu????) 
Andei por todo o centro histórico e tirei poucas fotos (com meu celular) para mostrar para você o que eu ando fazendo nestas semanas e o motivo de minha ausência (leia-se procurando casa, sobrado para alugar).


Terás o privilégio de saber através de mim, como é morar em mais uma cidade do Estado do Paraná. Se as pessoas são acolhedoras?  Se o comércio é bom. O melhor restaurante para comer que não seja tão famoso. Eu até agora estou gostando e vou te confessar ainda não peguei os calorões típicos de lá, apenas temperaturas suportáveis para mim, (20º C) sou avessa ao calor. E estou me preparando psicologicamente para sofrer um pouco, só até me adaptar, ou será que não vou conseguir??? Isso só o futuro explica, não irei sofrer por antecipação.
Como não foi uma viagem de férias, não me preocupei em trazer o nome de cada largo ou período de construção das casas apenas quero que você veja o que eu vi - as fotos ficaram péssimas, ao vivo é muito mais bonito.
Assim você poderá ver um pouco do charme daqui, se já conhece poderá me dar dicas que serão sempre muito úteis para alguém que chegará de mala e cuia sem nada conhecer.

Almocei em um restaurante Buffet, por quilo, e veja que exagerei feio. Mas foi merecido afinal, era meu primeiro almoço na cidade. Cometi o erro de misturar bacalhau, peixe grelhado, cuscuz, rúcula, aspargos, palmito, morango e manga. E estava delicioso....rsrs (Que as vigilantes da dieta não leiam....kkkk)
No final do dia eu e marido sentamos em local a beira do Rio (não lembro o nome), ouvindo música ao vivo. Gente, só musicas que eu gosto, leia-se MPB. Até parece que o músico tinha feito a seleção personalizada (ele sabia que eu iria....rsrs), e ficamos ali curtindo o momento e tomando uma cervejinha, até o cair da noite
Quando então voltamos ao hotel. E no outro dia, lá fomos nós visitar mais alguns imóveis para tentar encontrar a residência que será o nosso Lar Doce Lar (tá difícil).

Gostou do passeio? 
Em breve tem mais. Por enquanto estou aqui organizando, limpando, desapegando e vivendo a ansiedade da mudança. 

Muita Luz e Paz
Abraços

Confesso

Eu Li

sabe quando eu vejo muita polêmica envolvendo um livro, não me chama a atenção. Mas quando essa polêmica é motivada por mulheres independentes e resolvidas, que se dizem apaixonadas por um personagem de uma trama, cuja propaganda é de ser sadomasoquista.
Acabou que me convenci e Eu Li.
Cinquenta Tons de Cinza - agora eu entendo o que está virando a cabeça das mulheres, e me desculpem o palavreado mas, não é a foda com força ou os brinquedos sexuais, confesso que eu esperava um descrição mais apimentada das cenas envolvendo sexo.

Teve blogueiro dizendo que só quem gosta são mulheres mal comidas e mulheres que não leram (ou apenas começaram) também falando um monte. Confesso (mais uma vez) que me manifestei em vários destes grupos pois não entendia, pelo o que as pessoas falavam, este livro deveria ter sido escrito por um homem. Estava complicado para minha cabeça, num momento de luta para criminalização da violência gratuita contra a mulher um livro sobre um sádico exercer tanto poder sobre o imaginário feminino.

Então, minha amiga de trocas Geise, ofereceu-me (por empréstimo) seu livro e eu aceitei, vamos ver no que vai dar, foi o que pensei na hora...


Percebi que todos os homens deveriam ler e aprender com Cristian Grey, a realizar o sonho da maioria das mulheres, calma não estou falando em dar (Mac book, smartphone, um Audi) só presentes caros (marido eu vou adorar ganhar um Audi A1 - você viu que eu PRECISO). Estou falando no básico que TODA a mulher deseja. Homens caneta e papel na mão que eu vou dar o mapa da satisfação feminina (que está no livro).

  • Ser educado em todos os momentos
  • Perguntar sempre se está tudo bem e interessar-se por como a parceira está se sentindo
  • Preocupar-se em dar prazer a sua parceira sempre e várias vezes.
  • Presentear sempre (independente de data) com aquilo que a mulher precisa (e nem precisa comprar roupa no número exato- mas que seria maravilhoso se uma vez só na vida acertassem o modelo, a cor e o tamanho, isso seria
  • Preocupar-se com a saúde de ambos e da relação
  • Abrir a porta do carro sempre (não apenas no primeiro encontro)
  • Levar a restaurantes de qualidade e pedir com parcimônia e educação - sem importar-se com o valor do "investimento" (sim tem homem que investe um monte na conquista e depois quer passar a delivery de pizza por ser mais barato)
  • Nunca beber exageradamente
  • Sempre tomar a frente em casos embaraçosos ou difíceis - e soluciona-los com educação - nunca partir para a ignorância.
  • Transmitir segurança em sua forma de agir
  • Saber nunca é demais mulher adora homem que SABE


E assim, confesso que em minhas relações com minha família ou com o marido - EU SOU Cristian Grey. Calma eu não bato em ninguém, não redigi um contrato escrito que os outros são submissos a mim, também não tenho brinquedinhos sexuais e nem um "quarto vermelho da dor". Apenas  preocupo-me com aqueles que eu amo. 

  • As refeições são sempre respeitando a seguinte regra - come-se primeiro o que faz bem e depois o que gosta. (no livro ele pretende determinar o que ela irá comer - aqui eu faço isso. Estou sempre antenada para alimentos que nutrem sem prejudicar a saúde)
  • As consultas médicas são marcadas por mim eu acompanho tudo e faço ser cumprido toda a rotina de exames e o tratamento necessário. (No livro ele também faz isso)
  • Quando remédios são receitados eu antes pesquiso e confiro se não vai intervir com outro que está sendo tomado ou com a situação da saúde de meu familiar.
  • Quem bebe em demasia em minha companhia arrepende-se amargamente no dia seguinte pois eu uso todos os artifícios para mostrar-lhe o erro cometido, isso por um longo período.
  • Ensino o comportamento adequado e sempre explico o que eu espero da situação - assim não temos tantos problemas - podemos até divergir, mas resolvemos com dialogo de forma simples, sem grandes alardes (atualmente).
  • Sou lógica e se a pessoa não quer conviver assim é simples basta não se relacionar comigo.
Você quer saber se o livro é bem escrito, se dentro do nosso português possa ser utilizado em sala de aula - esqueça tradução péssima e é uma ficção, tem alguns erros de concordância. Mas se você gostou de ler a série Crepúsculo você vai gostar deste livro. 
E mais,  sou favorável a todo o tipo de leitura - não sou do tipo elitista - que acredita que para gostar desta ou daquela leitura (ou autor) somente pessoas que não foram apresentadas a bons escritores (vi isso no face e me revoltei)  O importante é LER o que quer que seja, nem todos tem o mesmo gosto por leitura. Quem diz que não gosta de LER é por não ter encontrado o seu estilo, não tentou tudo.

Bom espero aqui ter desmistificado todo o mimi em torno deste livro, com pessoas falando horrores e outros aclamando. Os que aclamam você sabe agora o motivo. Os que não gostaram não leram, ou se leram não conseguiram deixar de lado o preconceito para extrair o "lado bom" e tentar entender "o que" exatamente está fazendo este livro ter tanto sucesso além do marketing.....rsrs

Tenha uma semana iluminada e repleta de realizações
Muita Luz e Paz
Abraços 

Pão para aperitivo

No dia 22 recebi pessoas muito queridas em casa. Minha irmã loira, seu esposo e sua mãe (uma mineira maior de 80 anos e cheia de energia e disposição - adorei conhecê-la) Para recebê-los fiz um pão que nossa inspiradora Amehlia Digital ensina a fazer aqui.

Confira as fotos e veja que fácil, se desejar faça você também e depois me conte, quero saber se você gostou.

Corta em tiras sem separar



Depois em cubos


Misture manteiga com cebolinha e passe entre os recortes (importante pois isso mantém a umidade)


Coloque queijo em cada vãozinho e leve ao forno embrulhado em alumínio por 10 minutos. Deixe mais 5 minutos com o papel alumínio aberto para dourar. Sirva quente.

Esqueci de fotografar pronto, mas posso garantir que ficou delicioso. Tanto que que não sobrou nem os farelos...rsrs

Muita Luz e Paz
Abraços


Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias