Pronto!


Sim! Eu acredito no belo, vejo os detalhes,
 gosto de "fantasiar" um mundo onde só o amor é real.
E acredito piamente que sou feliz....
E normal.

E você? 
Me acha normal?
Desculpe, você "se" acha normal e é feliz?
Ou é feliz e não é normal?
Ah" talvez você se ache normal e não seja feliz?
Entendi! Eu sou feliz e normal e acredito que você também é. Pronto!

Muita Luz e Paz
Abraços
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

3 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Rogerio G. V. Pereira publicou o comentário número:

O belo só é belo se a beleza que encerra for bela... essa é a ambiguidade do belo

Poe exemplo, essa tela

É bela a cena da pesca e a rede tem peixe. A tela não só é bela como certamente está feliz quem está dentro dela: vai ter de comer, pescou ganhou. É normal a felicidade estar com a satisfação das exigências básicas do corpo (como pode estar/ser feliz quem tem fome)

A Normalidade tem a ver com um padrão
A felicidade, também

Será que na tela da caça o caçador está conforme a normalidade? É normal desenhar/pintar uma tela de caça sem que o animal apareça? Certamente o caçador está infeliz...

Quanto à pergunta que me faz, acha que me inscrevo no padrão de ser feliz? Como? Se há minha volta cada vez o peixe é mais escasso e a caça rareia...

Eu que fiz... ou quase isso publicou o comentário número:

Oi Adelaide, eu me acho normal e feliz, claro sinto tristeza de vez enquanto, mas na maior parte e pela minha vida sou feliz sim.

bjs

Gélia



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias