Vida de cachorra em casa de adulto



Não sei o motivo, mas sempre que estamos brincando
De correr ou de jogar a bolinha, 
Quando cansa, 
Pérola corre para esse cantinho e fica assim,
A impressão que temos é que ela acha que ali fica invisível, 
Sério, ela nos ignora como se não estivéssemos gritando e correndo atrás dela.





Ou fica por alguns minutos ali,
Olhando a vida passar,
Esperando o primeiro sinal estranho
Para latir por minutos intermináveis,
Correndo de um lado para outro, afugentando tudo, ou quase tudo.



Mas é compreensivo que ela nos ignore,
Afinal sossego é tão raro
Quando se é o caçula da família



Nem consegue dormir em paz....
Essa é a vida dura do quarto elemento

Muita Luz e Paz!
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

3 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Adriana Balreira publicou o comentário número:

Adelaide,
Fazi tempos que não te visitava! Está com layout novo. Amei. E essa cachorra linda? Adoro essa mania dos bichos de estimação que acham que ficam invisiveis...rsrs... Tão fofos!
Beijos
Adriana

Neli Rodrigues publicou o comentário número:

Ai que linda.
Ela já é uma menina adulta, que tb gosta de paz e sossego.
Eu ainda estou com um bebê de 6 meses que não fica quieto, só quer saber de brincar.
Precisava que a Pérola desse umas aulas pra ele, rsrsrs.
Bjs

Claudia Leonardi publicou o comentário número:

Que linda esta Pérola! Amei!
Adorei seu post :)
Por aqui acontece coisas parecidas também com nosso Zacarias ...rs
Bjks mil

www.blogdaclauo.com



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias