Da série, as coisas que amo nesta vida...

Eu sei que é inacreditável, mas eu adoro quando em uma noite qualquer sou despertada por um toque delicado, e vejo aquele gesto característico cuja tradução é "posso dormir aqui com vocês?" 
(lembra da música do Legião Urbana? É, eu também!) 

Então, eu vou para o centro da cama e você se deita, eu te abraço e assim voltamos a adormecer, igual quando você era apenas um bebê. 

Agora você cresceu, e eu te amo cada vez mais!

Sei que muitos estudiosos pregam que não devemos permitir que os filhos durmam na cama com os pais, mas eu sou imensamente grata não seguir estes ensinamentos e me presentear com doces momentos, para recordar no futuro.

Muita Luz e Paz!
Abraços
Comente via Blogger
Comente via Facebook
Comente via Google+

3 pessoas me fizeram feliz, falta só você:

Beatriz Paulistana publicou o comentário número:

Boa noite amiga e Pérola Adelaide!
Por aqui os pequenos grandes pensantes gostam de ficar um pouco na cama conosco. Mas antes de pegarem no sono, resolvem voltar para seus respectivos quartos.
Dura pouco, mas também é muito gostoso!!!
Deus abençoe sempre você e sua linda família!!!
Bjokas...da Bia!!!

Adriana Balreira publicou o comentário número:

Vivia dormindo na cama dos meus pais quando criança! Ia mesmo me embrenhar no meio deles. E nem por isso deixei de dormir na minha cama e ser uma pessoa feliz! Bom demais!!
Beijos
Adriana

RENATA REIS publicou o comentário número:

Tudo tm seu tempo, sua fase, tambem amo essas situaçoes!



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias