Respeito ao próximo

Quando estacionamos o carro sem a preocupação de observar se é uma vaga destinada para idosos ou para deficientes físicos, isso é desrespeitar o próximo, além de infração da lei de trânsito. Se todos nós fizermos esse pequeno trabalho de convencer nossos amigos e familiares a não utilizar estas vagas estaremos assim contribuindo para uma melhora da sociedade como um todo. Trabalhei por dois anos com inclusão escolar, atendi a um menino com Síndrome de Asperger e Autismo, sei o que falo quando falo de tolerância.
Eu aprendi tolerância em "um curso"(meu trabalho)  de 2 anos, o aluno evoluiu e acompanhou a turma no aprendizado e a família ficou mais tranquila neste período. Só quem tem alguém, ou trabalha com necessidades especiais, sabe a dificuldade que é o dia-a-dia, que cada conquista "pequena" para muitos é grande nas pessoas que amam aquele ser maravilhoso.
Quero que você conheça a história da Mariana  do blog Diário de uma mãe polvo uma mãe que vive essa dificuldade todos os dias. Ela criou esse panfleto para distribuição.
Vamos fazer a nossa parte, RESPEITAR. Ou para os mais religiosos, "Amar ao teu próximo como a ti mesmo".
Se fizéssemos ao outro apenas o que gostaríamos que fizessem para nós, certamente não existiria nenhum tipo de violência, sim pois estacionar em vaga destinada ou obstruir a passagem é um ato de violência.

Faça a sua parte. Eu estou fazendo a minha.
Meus amigos sabem que se estou junto ou vejo, já tem barraco....rsrs. No salto é claro.
Muita Luz e paz.
Abraços


Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias