O quarto elemento em nossas vidas - Pérola

Veja você, quando estamos todos na sala, o quarto elemento fica de prontidão sentada atras do sofá....olhos atentos na porta que está aberta. Nesta semana ela surpreendeu, de forma muito divertida. 
Agora que Mamãe está aqui em casa temos recebido visitas de pessoas diferentes, que a Pérola não conhecia. E ela que sempre pulava em todo mundo para brincar, parou de fazê-lo. Todos os dias, brincamos com ela pela manhã, logo cedo, e no final da tarde (são os horários que temos livre), mas quando temos visita ela fica um tempo lá fora sozinha, mas na última vizita que tivemos nesta semana ela, derrepente pega seu travesserinho e corre ao meu encontro rosnando e pedindo para brincar....bastou falar que não iria birncar e mandá-la para fora que ela saiu, para minutos depois voltar com seu cobertor balançando entredentes com o mesmo propósito, então para acabar com essa maratona chamo minha filha e peço que dê um pouco de atenção a ela.....e tudo se resolve....rsrs

E tem gente que agride estas criaturas de Deus que se adotamos temos por obrigação cuidar e zelar por sua saúde. Eu não gosto de ter animais presos, ela é criada solta pelo pátio, correndo, pulando e latindo para todo movimento estranho que acontece na rua. 
Ganhamos ela no primeiro ano que mudamos de cidade, foi bom para a transição que minha filha teve que enfrentar, mas sou sincera em dizer que se uma fatalidade se abater e ela deixar esta dimensão, não teremos outra.
Motivo: simples tenho que pensar nela como um bebê - se vamos viajar, tenho que ver onde ela vai ficar se cuidarão bem dela, se a alimentarão de forma correta, se ganhará carinho. Não posso deixá-la sozinha em casa, preciso estar atenta a vacinação e a cada dia observo se ela está bem, caso contrario lá vamos nós correndo para o veterinário. Se engorda temos que faze-la correr mais para queimar calorias e dar menor quantidade de ração. Se emagrece demais tenho que descobrir o motivo de ela não estar se alimentando ou ganhando peso.....viu é um bebê, e olha que ela não é criada dentro de casa, fica fora tem um quarto próprio...rsrs minusculo mas limpo e arejado. E se está frio ela treme muito, fica deitada a maior parte do tempo em sua cama enrolada no seu cobertor, se está calor tem que estar colocando agua fresca constantemente senão ela reclama...rsrs

Eu sei que ter animal de estimação requer carinho, tempo e disposição - além de dinheiro pois ração, veterinário e remédios custam dinheiros....(isso porque ela não gosta de usar roupas, senão...rsrs). Bem, estou falando disso para você que está pensando em ter um companheiro destes, saiba que não basta amarrar ele a uma árvore e jogar sobras de comida, isso é um ato de violência, para ter um animal você precisa dar a ele condições de exercitar seu físico e cuidar dele, em troca ele lhe dará carinho. Você também não precisa cria-lo dentro de sua casa - veja a minha mora lá fora, mas entra para dar proteção e olha ela brava é um pitbull latindo.... todos acham que ela é um cão feroz, quando conhecem descobre que não é bem assim...rsrs

Me conta você tem animal de estimação? qual seu relacionamento com ele? se ele faltar, você vai ter outro?

Tenha um ótimo dia!
Muita Luz e Paz!
Abraços


Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias