A vida na real....

Já tive dias em que não conseguia pensar em nada para preparar para o almoço, outras em que dada a falta de ânimo, apenas reproduzia a muito custo um arroz com feijão, salada e uma proteína. Outras em que não consegui dar ponto na polenta e ficou um mingau, já queimei arroz e também queimei sopa....já deixei a chaleira seca no fogo (queimou toda por fora), e também já coloquei 1 xicara de sal na receita do panetone...(não cresceu....rsrs) Coloquei um pacote de sagu com uma garrafa de vinho em uma panela pequena e não sabia o que fazer quando começou a crescer...liguei para minha madrinha pedindo socorro, pois não sabia fazer o sagu e já estava tudo no fogo....(rendeu umas 3 paneladas e ficou meio puxa-puxa), fiz bolo abatumado, pão tijolinho e queimei pão na torradeira. Mas fico louca quando faço tudo certinho e os meus não me são gratos. Está pronto fui eu que fiz, pegue um pouquinho coma e agradeça, se gostar pode elogiar e repetir, mas..............

Teve uma vez que ouvi minha filha, ao sentar-se a mesa, dizer:
- É só isso que tem de almoço??? 

e na outra vez foi:
- Teu feijão não está com sabor de feijão caseiro???
Claro que foi prontamente reprimida nas duas vezes. Pois, acreditamos (eu e marido) que é falta de educação. Se tem algo para comer,  foi feito (com animo ou não ) e todos tem mais é que agradecer a quem fez, afinal ali além do alimento tem:  
- tempo, 
- energia, 
- e o intento de agradar aos paladares, 
A gente não cozinha para ouvir, o que acredito eu sejam desaforos.

Acho que deu certo:

Agora que ela passa o dia todo fora de casa, está comendo em restaurante, chega em casa faminta, louca por uma comidinha de casa, janta feliz, sem reclamar e ainda me beija em agradecimento.

E A Vida na Real é ....como eu sempre digo:

" A vida é uma professora exigente, faz você aprender na marra - por vezes através da dor."

Muita Luz e Paz
Abraços


Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias