Barrica de papelão e as memorias...

Minha querida Vera Moraes que mora em Santos, fez um post no facebook  sobre uma barrica de cola que iria reciclar, comentei que tenho duas grandes e que atendem diversos propósitos já faz mais de 12 anos, então minha amiga pediu que eu postasse fotos...

Não queria fazer fotos delas na atualidade já amareladas pelo tempo, não seria justo...

Então busquei nas fotos desse meu cantinho e revi muita coisa, senti saudades.....

Saudades das viagens

Saudades dos passeios

Saudades do quarto elemento..... 


Na foto acima a barrica e a Pérola já tinham 5 anos, 
haviam resistido a 3 mudanças de cidade, sempre que arrumávamos na sala
 o quarto elemento vinha deitar do ladinho para ganhar agrados.


Mesmo elas não estando integradas a um ambiente específico da casa, 
figuram na maioria das vezes como apoio durante lanches ou petiscos


Mesa de apoio para os momentos de pintura em tela, aqui com 4 anos, 
essa despertou a saudade de pintar, mas não estou inspirada para tal.....um dia eu volto!



A foto acima e abaixo são de quando elas nasceram na nossa vida, naquele tempo os jornais impressos eram parte da nossa rotina, e ainda estavam brancos,
 o projeto inicial era pintar, depois mudou para envernizar 
e terminou por deixar envelhecer naturalmente antes de envernizar.


Meu irmão estava construindo e as guardou para mim em 2006, marido e filha quase surtaram quando fomos visitá-los e ele apareceu com 4 dessas para mim..... 
"vai colocar aonde esse trambolho" ignorei as vozes negativas 
que hoje reconhecem a utilidade dos 2 que ficamos
 2 ficaram com minha irmã, as dela ela encapou com papel de parede são mais requintadas, mas não era o que eu planejava para a minha rotina.

Como falei com a Vera, essas são resistentes já serviram de banco para pessoa com 70 kg, só foi meio dificil abrir depois mas não amassou, já moraram na garagem, no quarto como mesinha de cabeceira, na cozinha como apoio para a cafeteira e hoje guardam embalagens de presentes, bobina de papel kraft, toalhas de festas para mesa. 

Detalhe: na "decoração da sala" existiam cubos de madeira que usávamos como mesa de canto, porém os cupins devorararam com tamanha voracidade que não tive como recupera-los, um dia viajamos e quando voltei eles estavam ocos....se tivesse percebido no inicio talvez não os tivesse perdido....

Estou te contando isso para que você entenda que esse dois objetos maravilhosos passam a integrar o ativo imobilizado da casa recebem o nome de Cubos, nesse caso cubo não se refere a forma mas a função exercida....(risos). 

Onde estão as toalhas de Natal? 

- Pega lá no Cubo.


Detalhe.1: depois de anos chamando-os de Cubo um dia uma amiga da filha está em casa e perguntou onde poderia apoiar algo e a gente respondeu que era para usar o Cubo, ela não achou, aí tivemos que apresentar e só então percebemos que os nossos cubos não são quadrados...(risos)


Muita Luz e Paz!

Abraços



Blog protegido

myfreecopyright.com registered & protected

Visualizações

Categorias